04/07/2015

Aprenda A Livrar-se Das Mágoas


A mágoa, a dor a indignação, a revolta, a angústia, fazem parte da nossa evolução, então não vamos nos enganar, achando que não podemos ter esses sentimentos e emoções. 

Podemos, sim. Aliás, eles nos são muito úteis ao sinalizar que estamos entrando num caminho errado, seja no que pensamos, falamos ou fazemos em nossa vida diária em relação a pessoas fatos e ambientes. Mas precisamos nos livrar delas.

Podemos ter sentimentos e emoções, o que não podemos é armazená-los dentro de nós, alimentando-os frequentemente. Tenha em mente uma coisa, se você anda nutrindo mágoas, isso significa que você está mal resolvido e mais cedo ou mais tarde seu sistema mente/corpo vai entrar e pane.

Não é à toa que todos os sistemas religiosos, filosóficos e esotéricos indicam a prática do perdão. E mais, não é pra perdoar com o intuito de libertar o outro não, apesar de que isso também acontece, é pra libertar você mesmo de graves desequilíbrios em sua saúde e em sua vida. Porque, pode ter certeza, eles virão.

Sim, às vezes a mágoa é tão profunda, que a pessoa não consegue se desvencilhar dela facilmente, o que não justifica ficar criando um eterno tormento mental em cima dela. Porque é isso que as pessoas fazem. E o resultado é um quadro ampliado.

Já pude ajudar muitas pessoas a se livrarem de mágoas que estavam carregando e o que fica mais claro sempre, é isso - o que a pessoa faz com as experiências que ela tem. No geral, elas estavam ruminando, constantemente, os fatos e pessoas que as magoaram e estavam dormindo mal, sem apetite e muito tristes.

Muito interessante é que, assim que desbloqueamos as suas emoções com procedimentos específicos, elas absorvem rapidamente a instrução de vigiar os pensamentos, neutralizando-os com outros de maior qualidade.


Por isso, sempre pratico e procuro passar adiante a seguinte instrução -   não perca tempo, aprenda a livrar-se das mágoas e tenha uma vida rica e plena. Não perca tempo, procure ajuda para se libertar, se não está conseguindo fazer isso por si mesmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!